segunda-feira, 18 de junho de 2012

O pau-brasil

O Brasil é um país                                       Para Oswald de Andrade
Um tanto descomunal,
Pois não é que o mundo todo
Queria abrasado pau?
Que aqui por essa estância
Foi um pau em abundância.
Vou mostrar o pau-brasil
Esse pau não tem pentelho
Mas tem o cerne vermelho
E feito um pau que pinta
Esse pau deu muita tinta.
Porque pelo mundo todo
Pau-brasil foi almejado
Por ser uma tora dura
Ainda hoje ele perdura
Qual portentoso lenhado.
Seja com ou sem raiz
No clandestino mercado
Foi o pau mais cobiçado.

3 comentários: